Perspectivas sobre o uso de materiais alternativos no tratamento de água: revisão sistemática desenvolvida em filtros lentos

Samara Tavares Santos, Anderson de Jesus Lima, Denise Conceição de Gois Santos Michelan

Resumo


DOI

A filtração lenta é de fácil construção, manutenção e operação, sendo assim a tecnologia mais adequada para o tratamento de água em pequenas comunidades. Os filtros lentos ditos convencionais utilizam camada filtrante de areia, contudo, já foram realizados diversos estudos direcionados ao uso de outros materiais para substituição integral ou parcial da areia comumente utilizada. Diante disso, esta pesquisa consistiu em uma revisão sistemática da literatura buscando identificar e analisar as produções científicas acerca do emprego de materiais não convencionais em meios filtrantes de filtros lentos. O levantamento dos artigos deu-se a partir da busca em bases de dados internacionais e o portfólio bibliográfico dessa revisão foi formado por 32 trabalhos, a partir da aplicação dos critérios estabelecidos. Foi possível identificar quais os materiais mais utilizados nos estudos, suas taxas de filtração e parâmetros de eficiência monitorados. Com os resultados obtidos, pode-se ampliar a visão do emprego do tratamento de água em filtração lenta e trazer a utilização dos materiais não convencionais como alternativa viável, garantindo a eficiência no tratamento e o aproveitamento desses materiais.


Palavras-chave


Filtros modificados, Meio filtrante, Materiais não convencionais.

Texto completo:

PDF (Português)

Referências


Abdolahnejad, A.; Ebrahimi, A.; Jafari, N. (2014). Application of Iranian natural zeolite and blast furnace slag as slow sand filters media for water softening. International Journal of Environmental Health Engineering, 3, 58–63.

Abdolahnejad, A.; Jafari, N.; Ebrahimi, A.; Mohammadi, A.; Farrokhzadeh, H. (2017). Removal of arsenic and coliform bacteria by modified sand filter with slag and zeolite from drinking water. Health Scope, 6(3), e15170.

Ahammed, M. M.; Davra, K. (2011). Performance evaluation of biosand filter modified with iron oxide-coated sand for household treatment of drinking water. Desalination, 276, 287–293.

Costa, R. H. (1980). Estudos Comparativos da Eficiência de Filtros Lentos de Areia Convencional e de Fluxo Ascendente. Dissertação de mestrado, Escola de Engenharia de São Carlos – USP, São Carlos, São Paulo, Brasil.

Di Bernardo, L. (2003). Tratamento de água para abastecimento por filtração direta. São Carlos: RiMa.

Huisman, L. (1982). Research and Demonstration Project on Slow Sand Filtration. Reprinted for the AIDIS. Congress Health in Panama, Panamá, Panamá, 105.

Jayalath, C. P. G.; Miguntanna, N. S.; Perera, H. A. K. C. (2016). Burnt Clay Bricks as an Alternative Filter Media for Pebble Matrix Filters (PMF). Engineer: Journal of the Institution of Engineers, Sri Lanka, 49(3), 1-9.

Letshwenyo, M. W.; Lebogang, L. (2019). Assessment of roughing and slow sand filter modified with slag and clinker ash for removal of microorganisms from secondary effluent. Environmental Technology, 1–12.

Libânio, M. (2010). Fundamentos de qualidade e tratamento de água (3a ed.). Campinas: Editora Átomo.

Lima, A. J. (2020). Análise comparativa da eficiência de filtros lentos com meios filtrantes convencional e não convencionais. Dissertação de mestrado, Universidade Federal de Sergipe, São Cristóvão, Sergipe, Brasil.

Mutemi, S.; Hoko, Z.; Makurira, H. (2020). Investigating feasibility of use of bio-sand filters for household water treatment in Epworth, Zimbabwe. Physics and Chemistry of the Earth, 117, 102864.

Nascimento, A. P.; Pelegrini, R. T.; Brito, N. N. (2012). Filtração lenta para o tratamento de águas para pequenas comunidades rurais. REEC - Revista Eletrônica de Engenharia Civil, 4(2), 54-58.

Paterniani, J.E.S.; Silva, M.J.M.; Ribeiro, T.A.P.; Barbosa, M. (2011). Pré- filtração em pedregulho e filtração lenta com areia, manta não tecida e carvão ativado para polimento de efluentes domésticos tratados em leitos cultivados. Engenharia Agrícola, 31(4), 803-812.

Richter, C. A. (2009). Água: métodos e tecnologia de tratamento. São Paulo, SP: Blucher.

Śmiech, K. M.; Tolsma, A.; Kovács, T.; Dalbosco, V.; Yasadi, K.; Groendijk, L.; Agostinho, L. L. F. (2018). Comparing mixed-media and conventional slow-sand filters for arsenic removal from groundwater. Water (Switzerland), 10(2).

Souza, F. H.; Toscano, B.; Carneiro, C. G.; Sens, M. L. (2017). Diagnóstico e discussão sobre uso da Filtração Lenta para abastecimento público em Santa Catarina, Brasil. Revista DAE, 209(66).

Souza, W. A. (2007). Tratamento de Água. Natal: CEFET/RN.

Verma, S.; Daverey, A.; Sharma, A. (2019). Wastewater treatment by slow sand filters using uncoated and iron-coated fine sand: impact of hydraulic loading rate and media depth. Environmental Science and Pollution Research, 26(33), 34148-34156.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2021 Samara Tavares Santos, Anderson de Jesus Lima, DENISE CONCEIÇÃO DE GOIS MICHELAN

Revista Brasileira de Meio Ambiente | ISSN: 2595-4431

CC-BY 4.0 Revista sob Licença Creative Commons
Language/Idioma
02bandeira-eua01bandeira-ingla
03bandeira-spn